Quero aqui somar força com a história deste povo. Sou da região e quero assumir essa missão!” Estas palavras foram ditas por Dom Wellington Queiroz Vieira logo após assumir a Prelazia de Cristalândia, há dois anos.

Assumir essa missão não foi fácil. A Prelazia de Cristalândia é maior que o estado do Rio de Janeiro. Cobre uma área vasta de aproximadamente 62.000 km²; parte no Estado de Tocantins, parte em Goiás. Com 177.000 fiéis católicos assistidos por apenas 16 padres no trabalho pastoral, as distâncias são enormes; um verdadeiro desafio para a fé e para a evangelização dessa região.

Bispo Dom Wellington celebrando missa em uma comunidade de Prelazia de Cristalândia

Dom Wellington quer estar cada vez mais perto de seus fiéis. Assim, viaja constantemente visitando as comunidades. No entanto, as preocupações do bispo são muitas; sobretudo em como melhorar a formação dos catequistas e intensificar o alcance catequético. Além disso, enraizar os fiéis em uma sólida e verdadeira fé para os momentos de provações.

Outra meta importante para Dom Wellington é encorajar uma preparação melhor para os sacramentos do batismo e matrimônio. Além disso, aumentar o suporte às famílias; ajudando-as a compreender o casamento não só como “uma opção entre muitas”, mas como uma vocação real. Para tanto, deseja estimular a oração dentro da família; destacando que a primeira e melhor “escola de amor e fé” que as crianças irão experimentar, é a família. Dom Wellington também está iniciando cursos bíblicos para ajudar os fiéis a conhecerem e entenderem melhor a Palavra de Deus. Da mesma forma, quer motivar o trabalho jovem e o apostolado das vocações.

Com tudo isto em seu coração de pastor, Dom Wellington precisou de um veículo resistente; considerando as enormes distâncias que tem que percorrer dentro de sua Prelazia. As estradas nesta enorme região rural não são lá muito boas. Dom Wellington pediu ajuda à Fundação Pontifícia ACN para que a Prelazia de Cristalândia pudesse ter um veículo apropriado. O pedido encontrou eco nos corações pessoas como você; generosos benfeitores que sabem da importância do pastor estar perto das suas ovelhas. Portanto, graças a você, a ACN pôde ajudar Dom Wellington na aquisição de um veículo.

O Brasil é um país de distâncias enormes. Para muitos sacerdotes e religiosas, um carro significa a diferença entre levar ou não o Evangelho para comunidades distantes. A ACN conta com sua ajuda; a fim de que muitos outros sacerdotes que estão vivendo heroicamente nas regiões mais remotas do país, possam ter um meio de chegar até suas comunidades. A cada visita feita por um desses sacerdotes e irmãs, é o seu amor que também está levando o Evangelho adiante.

Bispo Dom Wellington de Queiroz Vieira com um bebê indígena

Bispo Dom Wellington de Queiroz Vieira com um bebê indígena.