//Um telhado novo para as Carmelitas

Um telhado novo para as Carmelitas

2015-10-26T11:55:52+00:00outubro 26th, 2015|Projetos|

A República Tcheca é um dos países mais laicizados da Europa onde o ateismo se encontra bem espalhado. Mas apesar disso a vida das ordens religiosas foi rapidamente revivida. Um exemplo disto são as Irmãs Carmelitas Descalças de Praga, cujo convento tem uma longa história – que foi brutalmente interrompida pelo regime comunista. Quase cem anos depois da fundação do primeiro Carmelo em 1562 por Santa Teresa, o primeiro convento carmelita foi construido em Praga, perto do Castelo da cidade. Daquele tempo até 1950, as irmãs carmelitas rezaram e trabalharam ali – até que foram expulsas à força pelos comunistas e forçadas a trabalhar em fábricas.

Apenas cinco destas freiras sobreviveram para ver as mudanças políticas de 1989. Mas, pela graça de Deus e pelo corajoso testemunho de fé e de vida delas, várias jovens se juntaram a elas. As irmãs levam uma vida estrita de oração e contemplação, subsistindo com seu trabalho de obras de arte religiosas, que elas vendem na loja do convento. O ramo masculino da ordem em Praga está instalado não longe dali e eles estão a cargo do mundialmente famoso Santuário do Menino Jesus de Praga. Esta imagem é venerada por muitos fiéis católicos de todo o mundo. O Papa Bento XVI visitou o santuário do Menino Jesus de Praga, a quem muitos milagres são atribuídos, durante sua visita ao país em 2009.

Porém, mesmo hoje, 25 anos depois das mudanças, estas antigas casas religiosas da República Tcheca ainda enfrentam muitos desafios e, na verdade, há muito mais necessidades do que aparece por fora. Por isso as carmelitas recorreram à AIS para pedir ajuda para consertar o telhado do convento e da igreja. A fé e o trabalho pastoral não podem parar por conta de um telhado que precisa de reparos, dessa forma, prometemos ajudar.

Leave A Comment

A ACN está na Copa do Mundo. Ajude-nos a ganhar!