//Turquia: Os cuidados para que a fé continue

Turquia: Os cuidados para que a fé continue

2014-12-09T10:59:49+00:00 dezembro 9th, 2014|Projetos|

Embora os cristãos sejam apenas 0,3% da população turca, a Ajuda à Igreja que Sofre (AIS) apoiou mais de 100 projetos na Turquia nos últimos vinte anos.

A AIS auxiliou de forma significativa aos refugiados iraquianos e sírios na parte oriental do país. Desde 2010 foram aproximadamente 400 mil reais que a AIS empregou para os refugiados iraquianos, principalmente através da Igreja Caldeia e os padres salesianos em Istambul. Os salesianos cuidam de famílias e são particularmente preocupado em garantir que as crianças continuem a receber uma educação escolar.

A AIS também ajudou refugiados sírios na Turquia oriental, desde que a crise na Síria começou. A partir de 2013-2014 a AIS doou um total de 140 mil reais – destinada às suas necessidades.

Outros tipos de ajuda à Turquia incluem o apoio do estúdio de TV cristã “SAT 7”, e a impressão do livro pelo jesuíta alemão especialista no Islã, W. Troll, entitulado “Müslümanlarsoruyor” (Muçulmanos perguntam, cristãos respondem), um diálogo inter-religioso baseado em respostas às perguntas sobre a fé cristã mais frequentes feitas pelos muçulmanos. A AIS também apoiou a instalação de uma página na internet “Respostas para o Islã”, cobrindo o mesmo tema, como o livro.

Outro exemplo de um projeto de publicação é a tradução e impressão de 3.000 cópias do Pequeno Catecismo da Ajuda à Igreja que Sofre, “Eu Creio”, em turco. A AIS também ajudou as Irmãs Paulinas na impressão de um catecismo para crianças em língua turca.

Restaurar as propriedades da Igreja, principalmente igrejas e conventos, tem sido uma parte importante da nossa ajuda, tanto no passado como hoje. Entre esses projetos esta a construção do convento das Filhas da Caridade, em Istambul. Outro exemplo é a restauração da igreja histórica Santa Maria Kilisesi, Izmir, Smyrna (perto da costa turca do mar Egeu) – uma das mais antigas igrejas que resistiram às destruições, e que hoje é cuidada por frades franciscanos.

Finalmente, a AIS apoia o trabalho de diferentes congregações femininas, como por exemplo na perfuração de um poço de água e na instalação de um elevador em favor das Irmãzinhas dos Pobres, Istambul (FransizFakirhanesi), cuja presença na Turquia remonta 120 anos. As Irmãs cuidam de um asilo e também dos refugiados.

Leave A Comment