//“Se hoje sou bispo, devo aos benfeitores da ACN”

“Se hoje sou bispo, devo aos benfeitores da ACN”

2016-03-24T14:03:32+00:00março 24th, 2016|Projetos|

“Hoje sou um bispo – mas o fato é que eu só fui capaz de estudar graças aos benfeitores da Ajuda à Igreja que Sofre”.

Às vezes, um pequeno subsídio financeiro pode ser um precioso investimento para o futuro da Igreja de todo o mundo. Este é certamente o caso das bolsas de estudo e subsídios que a Ajuda à Igreja que Sofre (ACN) disponibiliza para sacerdotes e religiosos de todo o mundo para completar a sua formação. Estes subsídios que a ACN tem concedido ao longo das últimas décadas são de grande valor, não só para as centenas de estudantes que se beneficiam destas bolsas todos os anos, mas também para a Igreja em seus países de origem e para os regiões de missão. E não é incomum que os nossos bolsistas do passado sejam nomeados bispos ou representantes da Santa Sé. Como Dom Bernardito Auza, por exemplo, que hoje é o observador permanente da Santa Sé nas Nações Unidas, em Nova York. No final de 1980, graças a uma bolsa da ACN, ele foi conseguiu seu doutorado em Teologia na Pontifícia Universidade de São Tomás de Aquino. “Eu nunca deixarei de ser grato a ACN por este importante apoio que ela me concedeu, o qual me permitiu obter uma excelente formação e, dessa forma, servir melhor a Igreja”, nos escreveu este bispo filipino para nos agradecer.

Outro líder da Igreja que foi beneficiado com uma bolsa de estudos pela ACN no passado é o arcebispo Zbignevs Stankevics de Riga, na Lituânia. Nascido em 1955 em Lejasciems, uma pequena aldeia polonesa, estudou de 2002 a 2008 na Pontifícia Universidade Lateranense, onde ganhou seu doutorado em Teologia. “O que eu aprendi, graças a ACN, me permitiu preparar muitos outros estudantes durante o tempo em que eu fui professor no Seminário Maior de Riga. E hoje eu quero ser capaz de oferecer as mesmas oportunidades para os sacerdotes e religiosos da minha própria diocese. Sem professores bem preparados, não podemos esperar ter bons padres, equipados para enfrentar os desafios de hoje”, nos escreveu o arcebispo.

E o atual bispo de Huhengeri, em Ruanda, Dom Vincent Harolimana também é um ex-bolsista da ACN. “Imediatamente após obter o doutorado em Teologia Moral na Universidade Gregoriana, eu me tornei reitor do seminário menor de Nyundo. A bolsa de estudo que recebi enriqueceu a Igreja de todo o mundo. Muitos dos seminaristas para quem eu lecionei no Seminário depois foram ordeandos sacerdotes. Louvado seja Deus por tudo o que tenho sido capaz de alcançar através do meu humilde ministério! Quero agradecer aos benfeitores da Ajuda à Igreja que Sofre, que continuam a me apoiar nos meus deveres episcopais. Recentemente, graças à ACN, um dos meus sacerdotes também obteve seu doutorado na Universidade de Louvain na Bélgica”, escreveu Dom Vincent em uma carta para a ACN.

Graças à sua ajuda, a ACN foi capaz de apoiar a formação de 11.075 seminaristas em todo o mundo, tudo isto somente em 2015.

Leave A Comment

A ACN está na Copa do Mundo. Ajude-nos a ganhar!