//Rica em novas vocações: Ordem Carmelita se dedica ao frutuoso apostolado

Rica em novas vocações: Ordem Carmelita se dedica ao frutuoso apostolado

2018-07-23T17:10:00+00:00julho 23rd, 2018|Projetos|

A jovem Igreja da Índia

Em 2016, a Igreja celebrou apenas 120 anos no nordeste da Índia, uma das regiões mais pobres e inacessíveis; devastada pela pobreza, por problemas sociais e pela falta de paz. É uma região desolada e subdesenvolvida. Hoje, da população total de 45 milhões, cerca de 2 milhões são católicos. No passado, a mensagem do Evangelho foi levada por missionários europeus, mas hoje a Igreja pode dizer que é responsável por um crescente número de vocações nativas. Particularmente rica em novas vocações, a Ordem Carmelita possui 34 jovens em vários estágios de formação; os padres se dedicam ao frutuoso apostolado na região.

Na verdade, houve muita alegria ano passado (2017), quando quatro irmãos carmelitas – pela primeira vez no nordeste da Índia – foram ordenados sacerdotes. Ao mesmo tempo, cinco jovens foram ordenados diáconos e estão se preparando para o sacerdócio. Os padres carmelitas iniciaram sua missão na região em 2003, numa simples casa de bambu. Mas agora já há vários mosteiros nos sete estados federais do nordeste da Índia.

Ajuda para formação de jovens freis

A Ordem Carmelita quer oferecer o melhor treinamento possível aos seus jovens membros. No entanto, assim como a maioria da população desta parte do mundo, seus pais são pobres. Em sua maioria, simples camponeses ou trabalhadores sem terra, que vivem de diárias e com pouco, tentando sustentar seus filhos. Desta forma, os carmelitas não podem esperar nenhuma contribuição financeira dessas famílias, ou seja, providenciando eles mesmos os recursos necessários; por exemplo, alojamento e comida, custos de estudo e viagens, assistência médica e até vestuário para os seminaristas; além, é claro, dos salários dos professores. Os custos estão sempre subindo; ademais, a Ordem é dependente de ajuda externa para cobrir os custos do preparo dos jovens irmãos.

A Fundação Pontifícia ACN conta com a sua ajuda para auxiliar esses sacerdotes!

Leave A Comment