//Formação de novas vocações em Burkina Faso

Formação de novas vocações em Burkina Faso

2013-12-03T16:05:07+00:00 novembro 1st, 2013|Projetos|

A Igreja ainda é relativamente jovem em Burkina Faso. Os primeiros missionários Católicos chegaram em 1900. Este país da África Ocidental possui uma população de aproximadamente 16 milhões, dos quais cerca de 20% são cristãos (12% católicos). Metade da população é muçulmana, enquanto o restante praticam as tradicionais religiões africanas.

Assim como em vários países da África, existe uma abundância enorme de novas vocações. As congregações femininas em particular contam com um número sempre significativo de novas candidatas ao noviciado. Atualmente há 1.400 mulheres religiosas católicas servindo a Deus e aos irmãos no país, em uma variedade de situações. Mas elas precisam de muita ajuda, pois Burkina Faso é um dos países mais pobres do mundo.

Uma das congregações que gozam de um grande número de vocações são as Irmãs da Anunciação (Soeurs de l’Annonciation) na localidade de Bobo-Dioulasso, no sudoeste do país, a segunda maior cidade da nação. Atualmente têm 14 noviças e 15 postulantes preparando-se para os votos na congregação e para trabalhar nas dioceses e paróquias deste país. Sua casa de formação, onde estas jovens passam três anos, está a 9 km da cidade de Bobo-Dioulasso, que também é o centro da diocese de mesmo nome.

A Ajuda à Igreja que Sofre, assim como em outros anos, vai ajudar esta jovem congregação na formação das novas vocações.

Leave A Comment