//AIS auxilia refugiados sírios na Síria, Líbano e Jordânia

AIS auxilia refugiados sírios na Síria, Líbano e Jordânia

2013-02-07T16:49:00+00:00fevereiro 7th, 2013|Projetos|

A fundação Ajuda à Igreja que Sofre (AIS) doou 155 mil euros para os refugiados sírios na Síria, Líbano e Jordânia.

“As condições dos deslocados e refugiados pioraram por causa do frio intenso”, explica o responsável internacional da AIS para o Oriente Médio, Pe. Andrzej Halemba.

“Para os cristãos a tensão é insustentável. O seu único apoio e ponto de referência é a Igreja. Eis porque é essencial distribuir as ajudas através das dioceses e da Caritas”, ressaltou o sacerdote.

Em 2012, AIS financiou projetos na Síria e nos países vizinhos no valor de 474 mil euros. “Desde o início de 2013, o número de pedidos aumentou e foram enviadas novas contribuições para a cidade de Aleppo e para o Vale dos Cristãos, onde a situação dos refugiados é realmente crítica”, sublinhou ainda Pe. Halemba.

Para o responsável de AIS no Oriente Médio é fundamental dar esperança aos cristãos que ficaram na Síria. “As pessoas precisam de alimento, remédio e bebida, mas também de assistência espiritual”, disse ainda o sacerdote.

“Queremos acolher os deslocados e refugiados sírios, mas sozinhos não podemos manter um número elevado de pessoas”, afirmou o arcebispo maronita de Baalbek, Dom Simon Atallah, diocese que ocupa um terço do território libanês e nessa jurisdição se encontra o Vale do Beqaa, onde vivem milhares de refugiados sírios que chegaram da cidade de Homs.

“A economia libanesa está em crise. O país tem uma dívida de 60 bilhões de dólares. A produção de bens está caindo, as exportações estão paradas. O governo pede ajuda à comunidade internacional, mas até agora recebeu somente promessas e nenhum dinheiro”, disse o prelado.

Segundo o arcebispo, o Líbano está sofrendo fortemente a revolução síria no âmbito social, econômico, turístico e político. “O Líbano, um país que ainda não se estabilizou, agora está mais dividido pelos efeitos da crise síria”, concluiu Dom Atallah (MJ)

Leave A Comment