Os Meios de Comunicação Social servem para a difusão e a consolidação do Reino de Deus – é isso que ensina o ConcílioVaticano II. E onde Deus não é visto ou escutado, “degrada-se o homem e degrada-se o mundo”, escreve Bento XVI.

Sem os Meios de Comunicação Social não acontece o Reino de Deus. Mas, uma vez que a mídia cede cada vez menos espaço para o anúncio da Boa Nova, a Igreja deve dispor de meios próprios para chegar até às pessoas. Um deles é a agência de imprensa “Union of Catholics Asian News”. A UCANews já conta 31 anos de existência e é a maior agência de notícias sustentada pela Igreja na Ásia e é lida no mundo inteiro – graças a vocês. Porque em muitos países da Ásia a Igreja é pobre e não conseguiria sustentar essa agência por si só.

Também para este ano confirmamos nossa ajuda. Ainda mais porque nem se consegue avaliar suficientemente o quanto é grande a sua influência: As notícias de UCANews dão aos católicos dessa região do mundo, de importância crescente, a sensação da coletividade, da comunidade e da identidade própria. Graças à UCANews os fiéis sabem: todos nós vivemos da esperança em Cristo; o Reino de Deus vive. Essa é a mensagem nas entrelinhas.

Semelhante é o efeito entre as emissoras de rádio na África. Por exemplo «Effata», no Chade, onde a diocese de Lai luta com um déficit de 23.000 Reais, que ela não consegue cobrir; ou no Haiti, onde a «Radio Soleil» manda, a partir das ruínas, sinais de esperança. São sinais de esperança também pela generosidade de vocês. Haiti precisa de uma Rádio. Nós colocamos à disposição 10.400 Reais da ajuda emergencial. Precisaria haver mais investimento. Quem poderia mandar-lhes um sinal, um sinal de amor?