//Papa Francisco agradece à Ajuda à Igreja que Sofre

Papa Francisco agradece à Ajuda à Igreja que Sofre

2016-03-02T18:04:11+00:00março 2nd, 2016|Notícias|

“Obrigado por aquilo que fazem.”

Foi com estas estas palavras que o Papa Francisco acolheu na manhã desta terça-feira (01/03), no Vaticano, o presidente, o diretor e a porta-voz da Fundação Ajuda à Igreja que Sofre (ACN) da Itália. A delegação da ACN esteve acompanhada do presidente da Conferência Episcopal do Paquistão, Dom Joseph Coutts, que concelebrou com o Santo Padre na Capela da Casa Santa Marta.

Em vista do próximo aniversário da eleição de Francisco à Cátedra de Pedro, a Fundação deseja doar ao Papa uma cópia da “Bíblia da Criança” em cada uma das línguas dos países por ele visitados nestes quase três anos. Trata-se de uma Bíblia ilustrada para crianças, idealizada em 1979 pelo fundador de “Ajuda à Igreja que Sofre”, Pe. Werenfried van Straaten. Até hoje, a fundação pontifícia imprimiu mais de 51 milhões de cópias em mais de 178 línguas e dialetos. Graças a este livreto vermelho, milhões de crianças do mundo inteiro puderam aprender a Palavra de Deus e em muitos casos também aprenderam a ler. Efetivamente, para numerosos idiomas a “Bíblia da Criança” é a única publicação existente.

O Papa Bergoglio conhece já de muito tempo a Ajuda à Igreja que Sofre, com a qual colaborou durante anos quando era arcebispo de Buenos Aires. Em 2007, numa carta de felicitações enviada aos responsáveis da ACN por ocasião dos 60 anos da Fundação, o então Cardeal Bergoglio definiu a “Ajuda à Igreja que Sofre” um símbolo de comunhão e fraternidade com a Igreja sofredora”.

One Comment

  1. Pe. Robson Mendes da Costa 10 de fevereiro de 2018 at 02:58 - Reply

    Bom dia. Este ano 2018, a Campanha da Fraternidade se refere á questão da violência no país em todos os sentidos. Lendo a revista Vida Pastoral (Janeiro e fevereiro de 2018), achei interessante na página 7(Os rostos da violência). Acredito que faltou uma ao meu ver e que é uma das mais graves em nosso país é a VIOLÊNCIA RELIGIOSA. Esta tem sido usada por muitos líderes religiosos que se dizem cristãos sejam católicos e protestantes e que a cada dia vem explorando a fé do povo. Este povo brasileiro sofrido, ovelhas muitas vezes sem amparo político e jurídico, ovelhas frágeis e que acabam em mãos de pessoas que usam a religião para aumentar o patrimônio de suas igrejas e enriquecem às custas do dinheiro suado dos sofredores. ISTO NÃO É UMA VIOLÊNCIA RELIGIOSA? ISTO NÃO É UMA AFRONTA AO EVANGELHO?
    Pe. Robson Mendes da Costa (arquidiocese de Belo Horizonte,MG)

Leave A Comment

A ACN está na Copa do Mundo. Ajude-nos a ganhar!