//Nota da CNBB sobre o aborto de Feto “Anencefálico”

Nota da CNBB sobre o aborto de Feto “Anencefálico”

2012-04-13T13:15:43+00:00abril 13th, 2012|Notícias|

Legalizar o aborto de fetos com anencefalia, erroneamente diagnosticados como mortos cerebrais, é descartar um ser humano frágil e indefeso.

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil – CNBB lamenta profundamente a decisão do Supremo Tribunal Federal que descriminalizou o aborto de feto com anencefalia ao julgar favorável a Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental n. 54. Com esta decisão, a Suprema Corte parece não ter levado em conta a prerrogativa do Congresso Nacional cuja responsabilidade última é legislar.

Os princípios da “inviolabilidade do direito à vida”, da “dignidade da pessoa humana” e da promoção do bem de todos, sem qualquer forma de discriminação (cf. art. 5°, caput; 1°, III e 3°, IV, Constituição Federal), referem-se tanto à mulher quanto aos fetos anencefálicos. Quando a vida não é respeitada, todos os outros direitos são menosprezados, e rompem-se as relações mais profundas.

Legalizar o aborto de fetos com anencefalia, erroneamente diagnosticados como mortos cerebrais, é descartar um ser humano frágil e indefeso. A ética que proíbe a eliminação de um ser humano inocente, não aceita exceções. Os fetos anencefálicos, como todos os seres inocentes e frágeis, não podem ser descartados e nem ter seus direitos fundamentais vilipendiados!

A gestação de uma criança com anencefalia é um drama para a família, especialmente para a mãe. Considerar que o aborto é a melhor opção para a mulher, além de negar o direito inviolável do nascituro, ignora as consequências psicológicas negativas para a mãe. Estado e a sociedade devem oferecer à gestante amparo e proteção.

Ao defender o direito à vida dos anencefálicos, a Igreja se fundamenta numa visão antropológica do ser humano, baseando-se em argumentos teológicos éticos, científicos e jurídicos. Exclui-se, portanto, qualquer argumentação que afirme tratar-se de ingerência da religião no Estado laico. A participação efetiva na defesa e na promoção da dignidade e liberdade humanas deve ser legitimamente assegurada também à Igreja.

A Páscoa de Jesus que comemora a vitória da vida sobre a morte, nos inspira a reafirmar com convicção que a vida humana é sagrada e sua dignidade inviolável.

Nossa Senhora Aparecida, Padroeira do Brasil, nos ajude em nossa missão de fazer ecoar a Palavra de Deus: “Escolhe, pois, a vida” (Dt 30,19).

 

Cardeal Raymundo Damasceno Assis
Arcebispo de Aparecida
Presidente da CNBB

 

Dom Leonardo Ulrich Steiner
Bispo Auxiliar de Brasília
Secretário Geral da CNBB

2 Comments

  1. Helio da Rocha Pinto 20 de abril de 2012 at 15:59 - Reply

    Foi um dia negro na história do STF. Essa corte está eivada de homossexuais, lésbicas, usuários de maconha. Juízes iníquos,arrogantes, vaidosos, que adoram as lentes das câmeras de TV e dos fotógrafos. Foi um espetáculo que me deu nojo, ver aquele tal de Fux, com seus trejeitos inconfessáveis. Se arvoram em bancar Deus.
    Está faltando ao povo católico, e por que não falar também dos evangélicos, protestantes, espíritas, ir para as ruas e protestar. Não tem parada gay ? Não tem parada da maconha ?
    Por que não pode ter também a parada em defesa da família e da vida ?
    Daqui a pouco, vão querer também proibir os sacerdotes, pastores e outros pregadores em, sequer, falar de Deus, em seus púlpitos. O demônio venceu uma batalha, mas não venceu a guerra, mesmo porque ele já está derrotado para sempre.
    Que Deus tenha piedade dessas almas que estão se condenando, por iniciativas próprias, a ir parar nos quintos dos infernos.
    Abraço fraterno. Paz de Jesus e o Amor de Maria.

  2. elizabeth n. 21 de maio de 2012 at 01:43 - Reply

    PAZ E BEM..QUEM PODE DIZER SE A CRIANÇA VAI VIVER OU MORRER ? O MÉDICO QUE DIA GNOSTICOU POR UNS INSTRUMENTOS,RAIOX ETC??QUANTOS TESTEMUNHOS FOI DADO POR MÃES ,EM QUE OS MEDICOS DIZIAM QUE SEUS FILHOS IRIA NASCER SEM CEREBRO,MAS ELAS PERSEVERAVAM NA FÉ…E SEUS FILHOS NASCERAM PERFEITOS…ENTÃO…QUEM PODE DIZER?..QUEM VAI VIVER E QUEM VAI MORRER?…QUEM COMETERÁ ESSE SACRILÉGIO?

Leave A Comment