//Nigéria: desnutrição aguda pode matar mais de 50 mil crianças

Nigéria: desnutrição aguda pode matar mais de 50 mil crianças

2016-09-28T20:10:13+00:00julho 25th, 2016|Notícias|

A estimativa mais recente das consequências da ação do grupo jihadista Boko Haram na Nigéria aponta para mais de 240 mil crianças em risco de vida por desnutrição aguda.

O alerta é das Nações Unidas e fala no “agravamento da situação humanitária” na região, em especial no Estado de Borno, nordeste da Nigéria. Das quase 250 mil crianças afetadas pelas atividades terroristas, segundo a ONU “quase 50 mil poderão morrer se não receberem assistência rapidamente”.

“Se nenhuma intervenção, rápida e positiva, acontecer, morrerão em média 134 crianças por dia por causas relacionadas com a desnutrição aguda”, afirma o diretor regional da Unicef para a África Ocidental e Central.

Toda a intervenção da comunidade internacional em auxílio a estas populações esbarra na dificuldade de acesso, pelo risco de ações terroristas. Segundo as Nações Unidas, os locais onde é possível chegar junto das populações, “apresentam cenas desoladoras: cidades completamente destruídas com pessoas desalojadas, sem a mínima condição higiênica adequada, sem água e sem alimentos”.

Calcula-se que aproximadamente 2 milhões de pessoas estejam fora do alcance da intervenção das organizações humanitárias, ou seja, sem receber qualquer tipo de ajuda.

Leave A Comment

A ACN está na Copa do Mundo. Ajude-nos a ganhar!