//Misericórdia na Academia Militar

Misericórdia na Academia Militar

2012-01-05T18:25:23+00:00abril 15th, 2011|Notícias|

“Na base da nossa obra apostólica, nos vários campos em que trabalhamos, deve haver sempre uma íntima união pessoal com Cristo, que deve ser cultivada e acrescida dia após dia. Somente se formos apaixonados pelo Senhor, seremos capazes de conduzir os homens a Deus, de abri-los ao seu Amor misericordioso e, deste modo, de abrir o mundo à misericórdia de Deus.”

Será que uma frase dessas vale também para soldados? Certamente! Também a eles se referiu Bento XVI quando falou desse modo sobre a misericórdia, na audiência geral de 18 de agosto do ano passado. Aqui ele está em plena sintonia com o seu grande predecessor, que será canonizado agora em Roma, no dia 1º de maio, domingo da Misericórdia.

Era um profundo anseio de João Paulo II abrir todas as pessoas à misericórdia de Deus, inclusive os militares. A partir de outro profundo anseio seu, que é o seminário greco-católico de L’viv, Ucrânia, surgiu agora exatamente isso. Um jovem sacerdote desse seminário, Padre Stepan Sus, com seis capelães e um diácono, igualmente do seminário, se dedicam aos aspirantes oficiais e outros graus na Academia Militar de L’viv e em mais outros vinte alojamentos militares.

“O exemplo conta”, diz o Padre Stepan. O fato de ele e sua equipe também saberem marcar gols no futebol certamente ajudou. De qualquer forma, o balanço do ano 2010 não é mau: meia centena de oficiais fizeram a Primeira Comunhão; quase quatrocentos participaram de romarias; um estudante da Academia Militar entrou para o seminário (nos anos anteriores, três oficiais graduados já tinham feito isso); 45 aspirantes oficiais visitam uma vez por semana um orfanato; 350 participaram de círculos bíblicos; foram visitadas 15 igrejas em L’viv e foram proferidas palestras sobre o Padre Werenfried e sobre a atuação da Ajuda à Igreja que Sofre. Por outro lado, esse último programa é muito acalentado pelo Pe. Stepan, porque ele sabe que, sem vocês, não seria possível existir o grande seminário de L’viv, com seus mais de 200 estudantes.

O Seminário do Espírito Santo é o maior seminário da Ucrânia e é um foco de renovação espiritual – como se vê pela Pastoral Militar. Era exatamente isso que João Paulo II desejava, e o Padre Werenfried, tendo reconhecido esse pedido, atendeu depois concretamente o desejo do Papa, graças a vocês. Ainda hoje o seminário depende de ajuda. No ano letivo corrente nós fornecemos uma ajuda para formação. Somam-se a isso projetos menores para o Centro de Pastoral Militar.

“Também soldados têm alma”, diz o Padre Stepan sorrindo. Dois de cada três aspirantes oficiais da Ucrânia são formados na Academia de L’viv. Cresce a influência espiritual do seminário na Academia, os corações ficam mais abertos para o ilimitado amor de Deus. São os pequenos milagres dos quais ninguém fala – e vocês podem dizer: nós somos parte disso.

5 Comments

  1. Antonio Fernandes Alves 25 de abril de 2011 at 23:00 - Reply

    A Biblia tem muitos livros, e o Senhor por sua misericordia, para salvação de todos, nos da um mandato Abra, Abra 43-44. É uma sintese, que analisada por sacerdotes é muito objetiva. Tem o destaque que o Senhor nos pede para se unirmos. O livro esta sendo mandado para a Igreja que Sofre, a qual eu ajuda na medida de posso. Não podemos ficar ociosos, mesmo de ultima hora.

  2. elizabeth tomie nascimento 13 de setembro de 2011 at 20:19 - Reply

    PAZ E BEM…..AGRADEÇO A ‘DEUS’ POR FAZER PARTE DESTA GRANDE FAMILIA A ‘AIS’..E PODER COLABORAR UM POUCO DESTE MARAVILHOSO TRABALHO DE EVANGELIZAÇÃO…AMEM

  3. Antonio fernandes Alves 16 de janeiro de 2013 at 01:05 - Reply

    Agradeço reconhecerem a manifestação divina, e acredito que o Senhor é quem mais agradece.
    Peço divulgarem o site que agora esta pronto, por mais que eu divulgue em livros nao consigo atinger a todos.
    http://www.abraabra43-44.com.br

    Agradeço resposta
    antonio.fernandes645@itelefonica.com.br:

  4. Antonio fernandes Alves 26 de janeiro de 2013 at 14:55 - Reply

    Pela hora do chamado, as tres da madrugada (Mt 14,22-33), quando Jesus obriga os seus discipulos a subir na barca e enfrentar ondas agitadas, isto dificuldades nos dias de hoje e irem a sua frente, acredito que Sua Manifestação é para todos nos os Seus discipulos, e é muito importante para os dias atuais. A hora, tres da madrugada deu origem a Sua Manifestação, e gostaria de saber como estão acreditando e recebendo, agora que esta no site:www.abraabra43-44.com.br, mas há muita maldade, de origem maligna, e por isso peço nao informar mais o meu e-mail Agradeço pela atenção e admiro trabalho pelos missionários que andam por este mundo afora. . e peço dilvulgarem e praticarem o que Deus nos pede neste tempo.
    Antoniko

  5. Antonio fernandes Alves 13 de fevereiro de 2013 at 00:20 - Reply

    Sou contribuinte da Igreja que sofre, já tive dialogo atraves da internet com os senhores, mas nao acho o e-mail, por isso estou usando este espaço, para pedir o e-mail porque quero entrar em contato para tratar sobre a manifestação que divulgo, em idioma ingles e espanhol, como me pediram pessoas que conhecem a manifestação e vão trabalhar no evento sobre a juventude no Rio de Janeiro.
    Agradeço a atençao.

Leave A Comment