//Canonizações dão esperança aos cristãos da Terra Santa

Canonizações dão esperança aos cristãos da Terra Santa

2015-05-18T19:25:56+00:00maio 19th, 2015|Notícias|

No domingo, o Papa Francisco canonizou duas palestinas. O bispo auxiliar de Jerusalém as considera como intercessoras para a Igreja do mundo.

“A canonização das palestinas Mariam Baouardi e Marie Alphonsine Ghattas no último domingo, em Roma, dão esperança aos cristãos da Terra Santa”. Estas palavras foram pronunciadas em Jerusalém pelo bispo auxiliar Dom William Shomali, responsável pelos territórios palestinos do Patriarcado Latino de Jerusalém, para a organização pastoral Ajuda à Igreja que Sofre (AIS). “A santidade é evidente nas novas santas da Palestina. Santa Marie Alphonsine era muito humilde. Santa Mariam levou uma intensa vida de oração e piedade. Quando lemos a vida das novas santas, ficamos encorajados a imitá-las. Foi, na verdade, uma grande fonte de encorajamento para nossos cristãos daqui. Isso também valoriza a imagem de nosso povo, pois mostra que ele pode produzir santos e não só terroristas”.

Segundo o bispo Shomali, mais de 2.000 peregrinos de Israel, Palestina e do Líbano tomaram parte na cerimônia em Roma com o Papa Francisco. Em vista do fato de que o presidente palestino Mahmoud Abbas esteve presente, Dom Shomali disse: “A canonização é, antes de tudo, um ato espiritual. Mas quando o nosso presidente ouviu falar que duas mulheres palestinas seriam canonizadas, ele expressou o desejo de viajar para Roma. Ele é amigo do Papa Francisco. O presidente Abbas tomou parte na cerimônia junto com uma delegação. Isto tem também uma dimensão política. O nome Palestina vai aparecer muito na mídia. Algumas pessoas levaram bandeiras. Não temos objeção contra isso. Mas não podemos reduzir o evento à sua significação política. Ela foi acima de tudo um acontecimento espiritual”.

O bispo Shomali prosseguiu dizendo que é importante ressaltar que estas duas santas são provenientes do Oriente Médio. “Muitos santos são da Europa e América. Não tivemos tantos provenientes do Oriente Médio em tempos mais recentes. Mas estas duas santas são da Terra Santa, que é reverenciada pelos cristãos de todo o mundo. Com os seus túmulos, agora há mais dois lugares santos na Terra Santa”.

O bispo auxiliar deu muita importância às canonizações em termos de Igreja no mundo todo. “As duas santas da Palestina pertencem à Igreja de todo o mundo. Um dos milagres que levaram à canonização de Santa Mariam, ocorreu em Siracusa, na Sicilia, Itália. Depois de uma novena, uma criança ficou completamente curada de uma enfermidade do coração, de forma inexplicável. Esta criança tomou parte na Missa de canonização em Roma. Isso mostra como as novas santas são intercessoras não só para a Terra Santa, mas para toda a Igreja”.

D. Shomali expressou sua esperança de que as canonizações sejam um sinal de um ano melhor para a Terra Santa. “É minha esperança que, devido às canonizações e outros fatores, 2015 seja um ano melhor do que foi 2014, quando houve a guerra em Gaza e a agitação em Jerusalém. Mas não devemos ver tudo em preto e branco. Também houve eventos positivos no ano passado. O Santo Padre visitou a Terra Santa. Em 2014 o presidente do Egito, el-Sisi, venceu as eleições. Os cristãos coptas ficaram muito contentes com isso. A coalisão anti-ISIS foi estabelecida, apesar de que ela não conseguiu nenhuma vitória importante até hoje. Mas, talvez, o mal foi mais pesado que o bom. Nós esperamos que o contrário ocorra neste ano. Rezamos para que isso aconteça, em especial para a Síria e o Iraque. Deus é o Senhor da história. Ele pode alterar o seu curso”.

Leave A Comment

A ACN está na Copa do Mundo. Ajude-nos a ganhar!