//Bíblia da Criança entra para o Guinness

Bíblia da Criança entra para o Guinness

2012-07-06T13:06:48+00:00julho 6th, 2012|Notícias|

Traduzida para 172 idiomas e distribuída em 140 páises, a Bíblia infantil “Deus fala ao seus filhos” entra para o Guinness após serem impressos 50 milhões de exemplares.

Recordista em difusão e no maior número de leitores no mundo, a Bíblia é também muito apreciada entre jovens e crianças. Pensando nos pequenos que a Ajuda à Igreja que Sofre criou a Bíblia infantil “Deus fala ao seus filhos”. Publicada há 33 anos pela fundação, esta versão especial chega agora a marca de 50 milhões de exemplares, quebrando o recorde mundial e entrando na lista do Guinness (Fundação destinada a descobrir quebra de recordes mundiais.).

Disponível em 172 línguas e distribuída em 140 países, esta adaptação das Sagradas Escrituras foi organizada pela teóloga alemã Eleonere Beck, que buscou uma linguagem adequada aos pequeninos. “A Bíblia infantil é especialmente querida por milhões de crianças porque está escrita em suas línguas maternas, a língua na qual aprenderam a rezar. Para milhões deles, este é o primeiro livro e, frequentemente, o único livro da família toda”, afirma Maria Zurowski, diretora do departamento de Apostolado Familiar da AIS e supervisora da publicação da Bíblia da Criança.

Suas ilustrações também foram cuidadosamente pensadas pela artista espanhola Miren Sorne, que captou os ensinamentos bíblicos e transformou-os em belas imagens. “Às crianças de idade pré-escolar o que mais chama a atenção são realmente os desenhos”, comenta Maria Zurowski.

Para as edições impressas a partir de junho deste ano, a AIS ainda optou por um tamanho maior de letra, o que facilita ainda mais a leitura.

Em nações em que a fé cristã é pouco conhecida, a publicação se torna especialmente importante, pois proporciona conhecimentos básicos do cristianismo e valoriza a promoção cultural da região. “Entre estas encontram, por exemplo, as edições em árabe e línguas de países de maioria mulçumana, como o sindhi e o urdu no Paquistão e o hausa, igbo, tiv e yoruba na Nigéria”.

As primeiras Bíblias infantis foram distribuídas pela AIS em 1979, na ocasião em que as Nações Unidas propagaram o Dia Internacional das Crianças e, como falava o Padre Werenfried, deste modo a AIS respondia ao desejo do Papa em levar a palavra de Deus aos que sofrem e mais necessitam. Até hoje as Bíblias da criança são enviadas e distribuídas com as doações dos benfeitores da fundação por todo o mundo.

Leave A Comment

A ACN está na Copa do Mundo. Ajude-nos a ganhar!