//Pentecostes

Pentecostes

2018-03-02T13:54:00+00:00 Fevereiro 1st, 2016|Boletim|

“A vida cristã não é uma colagem de coisas. É um todo harmonioso, uma obra do Espírito Santo. Ele renova todas as coisas. Ele renova nossos corações, nossas vidas, e nos faz viver num estilo diferente, que engloba tudo.” Papa Francisco

Estamos nos preparando para a festa de Pentecostes. Pentecostes é a resposta divina para a confusão de linguagem e de pensamento causado pelo orgulho do homem, como nos tempos da Torre de Babel. Somente o espírito do amor pode superar essa confusão. Os grandes confrontos que estamos presenciando de modo crescente no mundo de hoje, se resumem basicamente numa batalha do Espírito: o Espírito da verdade contra o espírito da falsidade. Mas só no Espírito da verdade se encontra osentido da vida.

Como é triste e sem sentido quando não se consegue ou não se quer mais reconhecer a beleza, a verdade e a bondade. Não se acaba perdendo também a esperança? Como então podemos ainda dizer às nossas crianças e aos jovens que vale a pena ter vindo a este mundo? Dizer que vale a pena assumir as dificuldades da vida, o sacrifício, o sofrimento, a morte? Todos nós precisamos da última segurança, da força interior que atesta o bem em nossa alma, apesar do poder do mal. É o Espírito Santo que realiza isso. À luz da cruz, o Espírito de Cristo nos permite reconhecer as coisas como elas realmente são, em todo o seu significado. Porque na cruz se revela a misericórdia de Deus, o espírito do amor sem medida. Na experiência do perdão e do abraço de Deus podemos encontrar espiritualmente firmeza na caminhada no mundo. Sim, o Espírito Santo quer não só nos iluminar e consolar, mas também conduzir-nos a uma nova era com uma humanidade renovada.

Por isso hoje o Espírito Santo está mais perto de nós do que nunca. Mas devemos, como os apóstolos em Jerusalém, implorar com Maria os seus dons. Senhor Jesus Cristo, Filho do Pai, enviai agora o vosso Espírito sobre a terra. Fazei o Espírito Santo habitar nos corações de todos os povos, para que sejam preservados da decadência, das calamidades e da guerra. Que a Senhora de todos os Povos, a Santíssima Virgem Maria, seja nossa Advogada. Amém.

Pe. Martin M. Barta
Assistente Eclesiástico Internacional

Esta é apenas a matéria de capa do Eco do Amor em referência.

Você pode baixar o Informativo na íntegra nas informações adicionais abaixo

Leave A Comment