//Boletim Setembro 2013

Boletim Setembro 2013

2013-12-03T16:46:21+00:00setembro 18th, 2013|Boletim|

“Os cristãos do Terceiro Milênio, se quiserem falar de Jesus e levar Cristo ao mundo de nosso tempo, deverão além de seu amor a Cristo e a Igreja, dar um espetáculo vivo de amor e solidariedade cristã assumindo o destino e a sorte dos que mais sofrem pelo mundo.” Papa João Paulo II

Este é apenas o editorial do Boletim de Setembro de 2013.
Você pode baixar o boletim na íntegra ao final deste texto (anexo).

 

Ficamos todos tocados pela presença amorosa de nosso querido Papa Francisco durante a Jornada Mundial da Juventude (JMJ). Ele veio de coração aberto para nos falar do amor, da vida e do Evangelho de Jesus. Veio nos recordar que Jesus é a única resposta para os sonhos do coração humano. Ele nos convidou a sairmos de nossa passividade através do nosso mais generoso sim ao chamado de Jesus no compro¬misso de amor com os irmãos, particularmente com os irmãos mais pequeninos e que necessitam de nossa solidariedade cristã. Com suas mensagens cheias de vida, mas particularmente com seus grandes gestos de amor, o Papa Francisco nos convidou a viver no seguimento dos passos de Jesus. Somente assim daremos o nosso testemunho de verdadeiros discípulos e missionários de Deus.

Como explicar que durante a JMJ, apesar da intensa chuva e do frio, estando reunidos mais de três milhões e meio de pessoas, nada aconteceu de agressividades, de drogas, de exclusões, de destruição? Pelo contrário, tudo transcorreu num clima de intenso amor fraterno, de acolhimento mútuo e de alegria. Sem dúvida, a presença carismática e amorosa de nosso querido Papa Francisco com suas mensagens e gestos em muito contribuiu. Mas, não há dúvida. O segredo maior foi outro, Jesus.

A JMJ mostrou-nos na prática que em Cristo é possível aproximarmos as diferentes classes sociais, cores, raças e culturas, vivendo a alegria de sermos irmãos, filhos do mesmo Deus que é Pai. Esta é a verdadeira revolução que os cristãos de¬vem sempre mais propagar pelo mundo. Rezemos uns pelos outros para que Deus nos abençoe e nos comprometa sempre mais no amor a Cristo e aos irmãos.

Continua a ressoar em nossos ouvidos as palavras proféticas do beato João Paulo II: “Os cristãos do Terceiro Milênio, se quiserem falar de Jesus e levar Cristo ao mundo de nosso tempo, deverão além de seu amor a Cristo e a Igreja, dar um espetáculo vivo de amor e solidariedade cristã assumindo o destino e a sorte dos que mais sofrem pelo mundo.”

A Ajuda à Igreja que Sofre nada mais faz do que dar uma resposta concreta aos apelos do Papa Francisco, acima de tudo de Jesus, que nos pedem um amor de serviço aos irmãos que esperam pela nossa solidariedade humana e cristã.

Que Deus Pai, infinitamente misericordioso e sem limites em seu amor com os que praticam a misericórdia, retribua a cada um segundo suas necessidades e aspirações.

Leave A Comment

A ACN está na Copa do Mundo. Ajude-nos a ganhar!