//Boletim Maio 2015

Boletim Maio 2015

2015-10-08T12:45:30+00:00maio 6th, 2015|Boletim|

“A vida cristã não é uma colagem de coisas. É um todo harmonioso, uma obra do Espírito Santo. Ele renova todas as coisas. Ele renova nossos corações, nossas vidas, e nos faz viver num estilo diferente, que engloba tudo.”
Papa Francisco

Nesses dias estamos nos preparando para a festa de Pentecostes. Pentecostes é a resposta divina para a confusão de linguagem e de pensamento causado pelo orgulho do homem, como nos tempos da Torre de Babel. Somente o espírito do amor pode superar essa confusão. Os grandes confrontos que estamos presenciando de modo crescente no mundo de hoje, se resumem basicamente numa batalha do Espírito: o Espírito da verdade contra o espírito da falsidade. Mas só no Espírito da verdade se encontra o sentido da vida.

Um professor me contou que um dia um estudante o consultou sobre as manifestações de 1968. Depois que o professor lhe falou sobre os tempos da “revolução da juventude” e suas consequências culturais e religiosas, o jovem disse: “A geração de vocês, dos anos 68, talvez tenha perdido a religião. Mas nós, a minha geração, perdemos também o contato com a realidade. Não sabemos atribuir às coisas mais simples o seu significado. Nós não estamos mais em condições de defender com certeza absoluta os aspectos positivos deste mundo e também não vemos mais em nós mesmos a possibilidade do Bem.”

Como é triste e sem sentido quando não se consegue ou não se quer mais reconhecer a beleza, a verdade e a bondade. Não se acaba perdendo também a esperança? Como então podemos ainda dizer às nossas crianças e aos jovens que vale a pena ter vindo a este mundo? Dizer que vale a pena assumir as dificuldades da vida, o sacrifício, o sofrimento, a morte? Todos nós precisamos da última segurança, da força interior que atesta o bem em nossa alma, apesar do poder do mal. É o Espírito Santo que realiza isso. À luz da cruz, o Espírito de Cristo nos permite reconhecer as coisas como elas realmente são, em todo o seu significado. A cruz é o fulcro que permite movimentar o mundo. Porque na cruz se revela a misericórdia de Deus, o espírito do amor sem medida. Na experiência do perdão e do abraço de Deus podemos encontrar espiritualmente firmeza na caminhada no mundo. Sim, o Espírito Santo quer não só nos iluminar e consolar, mas também conduzir-nos a uma nova era com uma humanidade renovada. Ele conduz a Igreja através de sempre novos Pentecostes, de geração em geração, imergindo-nos cada vez mais profundamente em toda a verdade de Cristo.

Por isso, após dois mil anos de história cristã, o Espírito Santo está mais perto de nós do que nunca. Mas devemos, como os apóstolos em Jerusalém,implorar com Maria os seus dons. Senhor Jesus Cristo, Filho do Pai, enviai agora o vosso Espírito sobre a terra. Fazei o Espírito Santo habitar nos corações de todos os povos, para que sejam preservados da decadência, das calamidades e da guerra. Que a Senhora de todos os Povos, a Santíssima Virgem Maria, seja nossa Advogada. Amém.

Abençoa-os com gratidão, o seu

Pe. Martin M. Barta
Assistente eclesiástico

Este é apenas o editorial do Boletim do mês.

Você pode baixar o boletim na íntegra nas informações adicionais abaixo

One Comment

  1. Marilda Silveira Dias 23 de maio de 2015 at 14:31 - Reply

    Pe. Martin M. Barta
    Li o artigo e pude perceber que não só eu já sou avó, continua vivendo os ‘enfrentamentos’ deste mundo globalizado… Vez em quando vou à casa dos filhos, e observo que não há mais o diálogo devido à falta de limites dos ‘pais’, e assim fico a pensar como será o futuro dedos meus netos… Que neste Pentecostes seja renovado à esperança a na certeza da intercessão de Mãe Maria junto de seu Filho Jesus a nos enviar os dons do Espírito Santo, para que sejam renovadas as forças…
    Feliz Solenidade de Pentecostes!!!

Leave A Comment