Quinta, 26 Janeiro 2017 12:34

Luta pela sobrevivência no Sudão do Sul

Sudão do Sul, localizado no coração da África, é uma das nações mais jovens do mundo. Ganhou sua independência do Sudão em julho de 2011. Dois anos mais tarde, estourou uma guerra civil, entre o dominante Exército de Libertação Popular do Sudão (Sudan People's Liberation Army -SPLA) e a oposição. O conflito tornou-se desde então uma guerra tribal brutal. O "Acordo sobre a Resolução do Conflito na República do Sul do Sudão", assinado por ambas as facções em agosto de 2015 trouxe paz temporária. O conflito ressurgiu em meados de 2016 e persiste até hoje. Enquanto isso, os cidadãos comuns do Sudão do Sul sofrem com a fome e são capturados no conflito. A ONU calcula que há 1,7 milhões de deslocados internos no país, 75% destes estão lutando para sobreviver nos três estados mais atingidos pelo conflito: Unity, Upper Nile e Jonglei.

Publicado em Notícias
Terça, 18 Julho 2017 12:48

Mali: em busca da paz

De acordo com o "Relatório sobre Liberdade Religiosa no Mundo", publicado pela ACN – Fundação Pontifícia Ajuda à Igreja que Sofre, o Mali decaiu em caos em março de 2013, após um golpe militar. Quando os jihadistas e grupos rebeldes ameaçaram invadir todo o país, a França, que exerceu poder colonial sobre o Mali até 1960, interveio militarmente. Em 2015, o governo maliano assinou um acordo de paz em Bumako com uma parcela dos grupos rebeldes armados. Enquanto o sul do país é considerado relativamente seguro, a situação no norte é tensa.

Publicado em Notícias
Terça, 24 Janeiro 2017 14:09

Perseguição aos cristãos na Nigéria

Entre 2006 e 2014, mais de 12 mil cristãos foram mortos e 2 mil igrejas destruídas por grupos terroristas islâmicos na Nigéria. Estes são os números citados por Dom Joseph D. Bagobiri, bispo da diocese de Kafanchan, no Estado de Kaduna, no norte do país, ao visitar o escritório italiano da ACN (Ajuda à Igreja que Sofre) em Roma. Além disso, o Boko Haram é responsável pelo fato da Nigéria ocupar o 3º lugar do Índice Global de Terrorismo de 2016¹. Todavia, como Dom Joseph apontou, Boko Haram não é o único grupo que está espalhando o terror no país.

Publicado em Notícias
Segunda, 28 Novembro 2016 16:29

“Eritreia está sedenta por Deus”

Padre Andrzej Halemba, responsável pelos projetos no Oriente Médio da ACN (Ajuda à Igreja que Sofre), conta suas primeiras impressões após sua recente visita à Eritreia.

Publicado em Notícias
Sexta, 30 Setembro 2016 14:47

Mistério de fé numa terra dilacerada

Uma delegação da Fundação Pontifícia ACN (Ajuda à Igreja que Sofre) viajou à República Democrática do Congo em agosto com o objetivo de levantar as necessidades mais urgentes de Kivu, no leste do país, uma das regiões prioritárias para a ACN.

Publicado em Notícias

Como se não bastasse ser um dos países mais pobres e subdesenvolvidos do mundo, a República Democrática do Congo foi lançada ainda mais na indigência e caos, com a continuação da violência e do conflito armado no país. A falta de segurança e a instabilidade política deixaram as pessoas mais pobres do que nunca.

Publicado em Projetos

Quando Antoinette disse ao seu namorado que ela estava grávida, ele simplesmente bateu a porta na sua cara. De repente eles já não tinham mais nenhum contato. O tio de Antoinette, em cuja casa ela estava morando, simplesmente a expulsou de lá quando soube da sua gravidez. A garota de 16 anos se encontrava completamente sozinha. Mesmo tendo todos ingredientes para um final trágico, a história acabou bem. Um vizinho lhe informou sobre um centro para mulheres grávidas e mães solteiras, administrado pela Igreja Católica em Dedougou. Ali Antoinette ficou edeu à luz a sua bebê numa atmosfera de apoio e amor.

Publicado em Projetos

O vicariato apostólico de Gambella encontra-se no extremo oeste da Etiópia, na fronteira com o Sudão do Sul. É uma região remota e subdesenvolvida, onde existe uma pobreza generalizada. Muitas das crianças estão visivelmente desnutridas, e existem conflitos intertribais recorrentes e intermitentes, sobretudo entre as tribos agrícolas já com residências fixas e as pastorais ainda nômades. O gado se alimenta dos cultivos dos fazendeiros, e eles estão tirando as pastagens tradicionais das tribos pastorais. Nesse conflito sobre recursos escassos, há confrontos frequentes e violentos.

Publicado em Projetos

O líder dos católicos da Nigéria fez um apelo apaixonado pela paz e pelo diálogo enquanto o país enfrenta a violência, a crise econômica e a ameaça de fome no nordeste do país, onde os militantes continuam realizando ataques.

Publicado em Notícias

"Os homens do Boko Haram vieram para minha casa no início da manhã", conta Esther em sua língua local, Hausa, "e começaram a saquear tudo: levaram meu marido e disseram para ele se converter ao Islã. Ele recusou e foi assassinado na minha frente”.

Publicado em Notícias
Página 1 de 6