A Organização das Nações Unidas (ONU) denunciou hoje que militares combatentes pelas forças governamentais do Sudão do Sul foram autorizados a “violentar mulheres como forma de pagamento”. Para a ONU a situação dos direitos humanos naquele país está “entre as mais horríveis” do mundo.

Publicado em Notícias

Os Bispos da República Democrática do Congo emitiram um aviso de emergência de que a crescente violência e a instabilidade política estão ameaçando a nação com “dissolução e caos”. Os bispos manifestam sua dor por “milhares” de pessoas que perderam suas vidas nos últimos meses, incluindo muitos menores alistados nas diferentes milícias. Além disso, expressaram sua preocupação de que a crise cause fome no país ou uma ruptura da nação.

Publicado em Notícias
Quarta, 27 Março 2013 14:27

A morte de Camil

"Jesus abandonado, completamente só na cruz, entre o céu e a terra, salvou a todos nós... Somente se partilharmos sinceramente o sofrimento de nossos irmãos necessitados, nos quais reconhecemos o Senhor, poderemos nos unir a Jesus abandonado."
Padre Werenfried

Publicado em Notícias
Terça, 16 Fevereiro 2016 10:04

Iraque: "Um símbolo da nossa esperança"

Depois que foi noticiada a destruição do mosteiro mais antigo do Iraque pelo grupo auto-denominado Estado Islâmico (EI), reina grande consternação no Iraque. O mosteiro de Dair Mar Elia, em Mossul, era um símbolo da presença cristã no Iraque.

Publicado em Notícias

Dom Juan José Aguirre, bispo de Bangassou, denunciou há duas semanas o ataque do grupo islâmico a uma missão em Gambo, na sua diocese, localizada na região sudeste da República Centro Africana. Se estima que houve 40 mortos, a maioria degolada pelas mãos dos jihadistas. O bispo falou para a ACN – Fundação Pontifícia Ajuda à Igreja que Sofre – sobre a situação atual e as calamidades que voltam a afligir a região no coração do continente africano.

Publicado em Notícias
Quinta, 12 Fevereiro 2015 15:49

Bispos condenam corrupção do governo

Atacar "a feia maré de corrupção" do governo da Nigéria, é o que afirma bispo católico referindo aos desafios que o novo governo do país irá enfrentar após a eleição.

Publicado em Notícias

No dia 31 de dezembro de 2017, uma manifestação organizada em protesto à liderança contínua de Joseph Kabila como presidente do país foi violentamente reprimida. O resultado foram 12 mortos e 120 prisões. A República Democrática do Congo, de fato, passa por uma grande crise desde dezembro de 2016. Abaixo, uma entrevista com o Padre Apollinaire Cibaka Cikongo, professor no Seminário de Cristo Rei em Malole, Kananga, na província de Kasai Central, no sul do país, sobre a situação no país.

Publicado em Notícias

Nesta quarta-feira, 19 de outubro, após dois anos da invasão da planície de Nínive, no Iraque, tomada pelo grupo Estado Islâmico (EI), o presidente executivo da Fundação Pontifícia ACN (Ajuda à Igreja que Sofre), Johannes Heeremann, informou a libertação da cidade de Qaraqosh, realizada pelas forças armadas locais na região. “Qaraqosh está livre. E aparentemente parte das comunidades vizinhas de Bartella e Karamlesh também foram libertadas”, disse Heeremann, após receber um comunicado emitido pela organização CAPNI (Christian Aid Program Nohadra - Iraq), que informava que os combatentes do EI deixaram o local sem qualquer resistência.

Publicado em Notícias

Theophilus Bela, presidente do Jakarta Christian Community Forum da Indonésia, denunciou que o presidente deste país asiático, Susilo Bambang Yudhoyono, "dorme", enquanto extremistas muçulmanos atacam igrejas cristãs. Desde ano 2006 registraram-se mais de 200 ataques.

Publicado em Notícias

O Sínodo dos Bispos caldeus, que decorreu em Roma, elegeu um novo Patriarca: arcebispo Louis Sako de Kirkuk (Iraque). Com isto, a defesa dos direitos dos cristãos no Oriente Médio ganha uma inesperada e valiosa força.

Publicado em Notícias
Página 1 de 36