Sexta, 01 Setembro 2017 16:48

Iraque: 15 mil cristãos devem voltar para casa este mês

Escrito por

Dentro de apenas um mês, se espera que até 15 mil cristãos iraquianos deslocados retornem à cidade nas antigas planícies de Nínive, Iraque, que sofreram a pior violência perpetrada pelo grupo autointitulado Estado Islâmico (EI).

Sexta, 01 Setembro 2017 07:54

20 anos de ACN Brasil

Escrito por

"Eu estou acostumado a fazer sermões para pedir, mas agora acredito que não é o momento” disse com muito humor o Padre Werenfried em 1997, em uma viagem ao Brasil com muitos compromissos: ele fez um discurso inflamado contra o aborto para o Congresso das Famílias no Rio de Janeiro; acompanhou os eventos do Papa João Paulo II, que também estava no país; teve uma reunião com o então Presidente do Brasil, Fernando Henrique Cardoso; se encontrou com dezenas de bispos; abençoou uma nova casa na Fazenda da Esperança; se encontrou com a imprensa brasileira e inaugurou o escritório da ACN no Brasil.

Dom Juan José Aguirre, bispo de Bangassou, denunciou há duas semanas o ataque do grupo islâmico a uma missão em Gambo, na sua diocese, localizada na região sudeste da República Centro Africana. Se estima que houve 40 mortos, a maioria degolada pelas mãos dos jihadistas. O bispo falou para a ACN – Fundação Pontifícia Ajuda à Igreja que Sofre – sobre a situação atual e as calamidades que voltam a afligir a região no coração do continente africano.

Hoje Barcelona amanheceu triste, e com ela toda a Espanha, Europa e o mundo. Uma das cidades mais belas do nosso país, banhada pela luz e ondas do Mediterrâneo, amanheceu ensanguentada, em meio a gritos de dor e incompreensão. Um novo atentado jihadista, entre tantos aos quais infelizmente temos nos acostumado, surpreendeu os que passavam por Las Ramblas, a rua de passeio mais tradicional da cidade, e destruiu tudo que cruzava o caminho do veículo assassino.

Capital de São Paulo, 6 de agosto pela manhã. Na Catedral da Sé, o Cardeal Dom Odilo Scherer celebra para centenas de pessoas e, quando fala sobre os cristãos perseguidos, reflete: “O que dá tanta força para esses cristãos se manterem fiéis? É preciso ter uma convicção muito forte de que estão fazendo tudo por Ele e por isso participarão também de Sua glória!” O Cardeal ressaltou ainda que ouvir a Deus “não é simplesmente ouvir a Palavra, mas traduzir isso em ação”. Assim lembrou que a ACN ajuda permanentemente os cristãos perseguidos e finalizou convidando a ACN a manter esse Dia de Oração.

Página 6 de 118