ACN

ACN

URL do site: http://acn.org.br

Para o Padre Werenfried van Straaten, fundador da ACN – Fundação Pontifícia Ajuda à Igreja que Sofre, o sofrimento e a necessidade nunca foram um problema abstrato. Para ele, era sempre sobre o indivíduo, sobre uma pessoa com um rosto e um nome, um filho de Deus.

Capital de São Paulo, 6 de agosto pela manhã. Na Catedral da Sé, o Cardeal Dom Odilo Scherer celebra para centenas de pessoas e, quando fala sobre os cristãos perseguidos, reflete: “O que dá tanta força para esses cristãos se manterem fiéis? É preciso ter uma convicção muito forte de que estão fazendo tudo por Ele e por isso participarão também de Sua glória!” O Cardeal ressaltou ainda que ouvir a Deus “não é simplesmente ouvir a Palavra, mas traduzir isso em ação”. Assim lembrou que a ACN ajuda permanentemente os cristãos perseguidos e finalizou convidando a ACN a manter esse Dia de Oração.

A ACN – Fundação Pontifícia Ajuda à Igreja que Sofre – está trabalhando contra o tempo, juntamente com o Comitê de Reconstrução de Nínive (NRC) para reparar e reconstruir o maior número possível de casas, para que as famílias católicas siríacas possam retornar a tempo para o início do ano letivo. Pelo menos 600 famílias já retornaram para Qaraqosh, Iraque. Padre Georges Jahola, responsável pela equipe católica siríaca do NRC, prevê com confiança: "Em 10 anos, a cidade estará repovoada como e antes do EI” (referindo-se à ocupação do grupo autodenominado Estado Islâmico).

Fazem apenas 45 anos que a Igreja Católica chegou em Borana, no extremo sul da Etiópia, fronteira com o Quênia. Os padres missionários do Espírito Santo (espiritanos), que trabalham nesta área, estabeleceram três paróquias e várias escolas.

A ACN – Fundação Pontifícia Ajuda à Igreja que Sofre – e o Comitê de Reconstrução de Nínive acabou de reformar as primeiras 17 casas de Bartella (Iraque) uma aldeia cristã da Planície de Nínive. As famílias que voltaram para casa estão dizendo: "Nossa vida e nossa história estão aqui. É aqui que queremos viver".

Quinta, 10 Agosto 2017 17:01

A Igreja em Zâmbia

Tony Zender, chefe de um dos departamentos de projetos para a África da ACN – Fundação Pontifícia Ajuda à Igreja que Sofre, viajou à Zâmbia para fazer um balanço da ajuda concedida pela Fundação nos últimos anos e determinar as necessidades futuras da igreja local. Em entrevista realizada por Maria Lozano, ele contou um pouco da experiência.

Dom Emil Shimoun Nona era o arcebispo católico caldeu de Mossul (Iraque) quando o grupo autodenominado Estado Islâmico (EI) invadiu a cidade em 2014, forçando os cristãos a fugirem. O arcebispo encontrou abrigo junto com seu rebanho em Telkef e em outras aldeias cristãs na Planície de Nínive. Este refúgio foi de curta duração: durante a noite de 6 de agosto, com um aviso de apenas 30 minutos de antecedência, as tropas do exército curdo recuaram, deixando mais de 120 mil cristãos no caminho de avanço do EI. A noite do êxodo, a fuga para Erbil e para qualquer outro lugar se tornou o "Gólgota" do século XXI para dezenas de milhares de cristãos.

É o ano de 1994. Durante 100 dias, aproximadamente 800 mil pessoas foram massacradas em Ruanda. Este genocídio é considerado uma das maiores tragédias humanas da história. Um missionário polonês que mora no país a mais de 30 anos, Padre Stanislaw Filipek, se dedicou em tornar conhecida a misericórdia de Deus. Ele construiu um santuário da Misericórdia Divina em Kigali e coordenou o primeiro congresso continental sobre a Misericórdia de Deus na África, realizado em setembro de 2016.

Terça, 08 Agosto 2017 17:33

Atentado na Nigéria

“Não tenho nenhum motivo para pensar que foi um atentado contra a Igreja”. Por telefone à ACN – Fundação Pontifícia Ajuda à Igreja que Sofre, Dom Hilary Paul Odili Okeke, bispo de Nnewi, relata o trágico atentado que ocorreu na manhã de domingo, dia 06 de agosto, na sua diocese, mais precisamente no interior da igreja de São Felipe em Ozubulu, Nigéria.

Terça, 01 Agosto 2017 13:56

Leite para as crianças de Alepo

A ACN – Ajuda à Igreja que Sofre – apoia o projeto “Gota de leite”: distribuição mensal de leite em pó para 2.850 crianças. Uma pequena delegação da ACN esteve presente na última entrega para as famílias e conta como foi.

Página 1 de 15