Quinta, 08 Junho 2017 11:02

A vida dos deslocados internos do Iraque

Dom Bashar Matti Warda, Arcebispo Caldeu de Erbil, Iraque, falou à ACN – Fundação Pontifícia Ajuda à Igreja que Sofre – sobre a situação atual das famílias cristãs em Erbil, expulsas de Mossul e da Planície de Nínive em 2014 pelo grupo autodenominado Estado Islâmico (EI). Esses cristãos dependem de ajuda enquanto esperam para retornar para suas aldeias de origem nos próximos meses.

Publicado em Notícias

Cristina, a menina cristã iraquiana de três anos sequestrada em Qaraqosh quando a região foi tomada pelos terroristas, foi recentemente libertada e devolvida à família, quase três anos depois.

Publicado em Notícias

Dom Emil Shimoun Nona era o arcebispo católico caldeu de Mossul (Iraque) quando o grupo autodenominado Estado Islâmico (EI) invadiu a cidade em 2014, forçando os cristãos a fugirem. O arcebispo encontrou abrigo junto com seu rebanho em Telkef e em outras aldeias cristãs na Planície de Nínive. Este refúgio foi de curta duração: durante a noite de 6 de agosto, com um aviso de apenas 30 minutos de antecedência, as tropas do exército curdo recuaram, deixando mais de 120 mil cristãos no caminho de avanço do EI. A noite do êxodo, a fuga para Erbil e para qualquer outro lugar se tornou o "Gólgota" do século XXI para dezenas de milhares de cristãos.

Publicado em Notícias
Segunda, 02 Janeiro 2017 17:29

Iraque: Natal com esperança

Este ano, os refugiados cristãos na parte norte do Iraque estão animados duplamente para celebrar o nascimento de Cristo. Isto porque a grande maioria das vilas das planícies de Nínive, que foram ocupadas pelo grupo autodenominado Estado Islâmico (EI) desde o verão de 2014, foram liberadas agora. Na época, 120 mil pessoas fugiram da ameaça jihadista que avançava, deixando apressadamente suas casas. "Quando recebemos a notícia de que o EI estava recuando, espontaneamente uma festa estourou nos campos de refugiados. As pessoas saíram às ruas para dançar e cantar, como se não tivessem outros problemas em suas vidas ", disse o padre Luis Montes, vigário episcopal do bispo latino do Curdistão. Ele vive no Iraque desde 2010.

Publicado em Notícias
Quarta, 14 Junho 2017 13:10

Padres construtores de Nínive

às vezes acontece de padres terem que improvisar outros papéis, como o de pais, conselheiros, professores... e, às vezes, instrutores técnicos. No Iraque, onde o grupo autodenominado Estado Islâmico (EI) danificou, ou mesmo destruiu, quase 13 mil casas de famílias cristãs na Planície de Nínive, os padres precisaram assumir o papel de engenheiros ou de mestres de obras, a fim de contribuírem com o possível retorno dos fiéis para suas cidades e aldeias de origem. Padre Georges Jahola, da Igreja Católica Síria, e Padre Salar Boudagh da Igreja Católica Caldeia são os responsáveis pelas atividades de reconstrução em algumas aldeias cristãs da Planície de Nínive.

Publicado em Notícias

Cerca de 500 famílias cristãs – 2.500 pessoas - celebraram o tão esperado retorno à Planície de Nínive (Iraque) com cerimônias que marcaram um novo começo em suas cidades e aldeias de origem.

Publicado em Notícias

Os cristãos de Erbil provavelmente não conseguirão retornar aos seus povoados na planície de Nínive até o verão de 2017 (do hemisfério norte). Embora as operações militares tenham protegido amplamente a área, atiradores de tocaia e minas terrestres ainda permanecem ali. Desse modo, até que Mossul não seja definitivamente liberada, não é seguro o bastante para que os cristãos retornem. Outra condição fundamental para as famílias é a reconstrução dos povoados, sobretudo no rigoroso inverno, como sinalizou o Arcebispo de Erbil, Dom Bashar Warda.

Publicado em Notícias
Sexta, 19 Maio 2017 14:31

Início da reconstrução em Nínive

Em três aldeias da Planície de Nínive, com auxílio da ACN – Ajuda à Igreja que Sofre, foram iniciados os trabalhos de reconstrução das primeiras 100 das cerca de 13 mil casas destruídas pelo grupo autodenominado Estado Islâmico (EI) no Iraque. Na no dio 8 de maio, pelas igrejas das três aldeias cristãs de Bartella, Karamless e Qaraqosh, as oliveiras foram entregues aos proprietários das casas para plantá-las nos seus terrenos. Esse gesto também significou uma mensagem para essas famílias: reponham suas raízes onde vocês nasceram, vivam e tragam frutos de paz e reconciliação.

Publicado em Notícias
Segunda, 27 Março 2017 14:29

12 mil casas danificadas pelo EI

Mais de 12 mil casas em 12 aldeias cristãs na Planície de Nínive acabaram sendo danificadas pelo grupo autodenominado Estado Islâmico (EI); 669 foram totalmente destruídas. Este é o resultado de pesquisa realizada pela ACN – Fundação Pontifícia Ajuda à Igreja que Sofre. Segundo a pesquisa, os custos necessários para a reconstrução somam mais de 200 milhões de dólares.

Publicado em Notícias
Quarta, 17 Agosto 2016 08:35

A força do povo iraquiano

Declarações do Padre Andrzej Halemba, coordenador dos projetos da ACN no Oriente Médio, sobre a situação dos cristãos no Iraque dois anos após a sua fuga do grupo Estado Islâmico.

Publicado em Notícias
Página 1 de 3