Sexta, 14 Julho 2017 16:28

Revigorando o espírito

Escrito por
Avalie este item
(2 votos)
Acampamento de verão na Geórgia. Acampamento de verão na Geórgia.

A ACN – Fundação Pontifícia Ajuda à Igreja que Sofre – está apoiando mais de 20 acampamentos e cursos de verão¹ este ano, no Oriente Médio e Europa Oriental principalmente.

Graças ao apoio da ACN, milhares de crianças e jovens de regiões em crise como o Iraque, a Síria, o Egito, a Jordânia, a Palestina e Israel tiveram a oportunidade de participar de acampamentos e cursos de verão este ano. Não foi a primeira vez que a ACN apoio projetos deste tipo, mas, este ano, ACN teve o prazer de apoiar os acampamentos de jovens em Alepo, na Síria e Alqosh, no Iraque, onde a rotina lentamente vai voltando ao normal. As igrejas cristãs locais estão trabalhando duro, não só para reconstruir as estruturas físicas nessas áreas, mas também para revigorar o espírito das pessoas, sobretudo entre as crianças e os jovens que sofreram tanto.

Um alívio pós guerra Iraque e Síria

No Iraque, por exemplo, os acampamentos de verão têm o objetivo, acima de tudo, de ajudar esses jovens a superarem o trauma da ocupação pelo grupo autodenominado Estado Islâmico (EI) nas suas cidades. Eles precisam ser capazes de recuperar sua força física e espiritual, especialmente agora, quando o futuro de suas comunidades cristãs no Iraque está em jogo. Os jovens são organizados de acordo com a idade e recebem apoio espiritual, com a orientação de um diretor espiritual cujo papel principal é ajudá-los nos desafios de agora e auxiliar a restaurar sua fé e esperança depois das experiências que passaram com a invasão do EI, a perseguição e o percurso dramático até os dias de hoje. Também psicólogos e outros profissionais estão disponíveis para ajudá-los a lidar com esses desafios.

Os cursos de verão em Alepo são como remédios para a alma. Neles, em 12 sessões, 1 vez por semana, as pessoas encontram aconselhamento, apoio e refúgio espiritual no convento de Nossa Senhora da Assunção. Neste caso, não são apenas as crianças e os jovens que serão envolvidos, mas todos os membros das famílias que sofreram anos de guerra e privações. No total, são mais de 960 participantes de todos os vários ritos e igrejas cristãs em Alepo. Isso é um presente de Deus depois do sofrimento de quatro anos de fome, medo e falta do básico, como água e energia elétrica.

Apoio para quem sofreu do extremismo religioso no Egito

No Egito, outro país onde os cristãos sofreram amargamente com o fundamentalismo islâmico, o patriarca católico copta gostaria de repetir a maravilhosa experiência do ano anterior e organizar cinco acampamentos de verão para grupos de até 95 jovens em cada um. O tema dos acampamentos será "Quem é Deus para nós?". De acordo com o Padre Hanni Bakhoum, que é responsável por organizar o programa, "essas reuniões terão impacto não só nos 475 jovens que participam destes acampamentos, mas também em suas famílias – de modo que, no final, mais de 2.400 pessoas se beneficiarão desse apoio, além das paróquias e dos centros de atividades pastorais, onde esses jovens permanecerão". A ACN também está apoiando um acampamento espiritual de 70 crianças com necessidades especiais das paróquias do Cairo, Delta e Alexandria. São crianças que são frequentemente "marginalizadas, discriminadas ou abandonadas pela sociedade e às vezes até por suas próprias famílias".

Cuidando do futuro da Europa Oriental

Mas não é só na Igreja do Oriente Médio que esses cursos de formação e acampamentos de verão são fundamentais. Para muitos jovens no Cazaquistão, Ucrânia, Geórgia, Armênia, Letônia, Lituânia e Estónia "esses acampamentos de verão são a única oportunidade que eles têm de sair de suas aldeias remotas ou ambientes urbanos ruidosos. Muitos deles consideram essas atividades como a melhor coisa que aconteceu durante todo o ano e, em alguns casos, em toda a sua vida", diz a Irmã Arousiag, que pertence à congregação das Irmãs da Imaculada Conceição na Armênia e que está presente nesses acampamentos desde que as irmãs organizaram o primeiro, há pelo menos 24 anos, desde 1994. Durante esse período, mais de 18.000 órfãos e crianças de famílias pobres, ou com graves problemas sociais, de várias regiões da Armênia, participaram desses eventos. Este ano haverá 840 meninos e meninas entre 8 e 15 anos. "No verão, quando as escolas fecham, é o momento em que as crianças dos orfanatos, como também as de famílias mais pobres ou com outro tipo de dificuldade, ficarão vagando pelas ruas", explica a Irmã Arousiag. De acordo com os estudos mais recentes da UNICEF e da ONU, mais da metade das crianças da Armênia não tem acesso a atividades recreativas organizadas e quase 30% não possuem nutrição adequada. "Esses meninos e meninas são o futuro da Armênia, a próxima geração de cientistas e professores. É por isso que temos que trabalhar hoje para construir o futuro do nosso país".

Um de muitos testemunhos na Etiópia

Há muitas histórias que ilustram o imensurável valor desse tipo de trabalho com a juventude. Um desses exemplos é a história de John, um jovem da Etiópia que participou de um dos acampamentos de verão "Eagle Eye" que foram organizados pela Comunidade de São João nos últimos 10 anos, com o apoio da ACN. O Padre Atanasio Markarian nos disse durante uma visita à ACN: "Este jovem da cidade de Hosanna, no sul da Etiópia, voltou para casa muito feliz com tudo o que experimentou durante o curso – a adoração eucarística, a instrução religiosa, as atividades de esportes... O tempo passou, e cerca de seis meses depois ele chamou um dos irmãos da congregação, querendo falar com urgência sobre todas as suas preocupações. Ele havia lido a revista “Amar uns aos outros”, que lhe foi dada no acampamento juvenil, mais de cem vezes e sentiu que estava sendo chamado por Deus. Hoje ele é um dos nossos irmãos, um membro da Comunidade de São João".


¹Verão do hemisfério norte: período de junho a setembro.


Lido 323 vezes

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.